Follow by Email

segunda-feira, 29 de agosto de 2016

Cidades brasileiras aderem às lixeiras subterrâneas(E CAMPOS TEM)

Cidades brasileiras aderem às lixeiras subterrâneas

Professor Resíduo 

Rogério Cpela - Divulgação

As lixeiras subterrâneas têm um pouco mais de um metro de altura
16/02/2016 |
Salvador, Campos, Paulina e Campinas já aderiram a esta ideia ecologicamente correta
Em pleno século 21 vivemos em uma sociedade visivelmente consumista. E se, por um lado, comprar nos satisfaz de diversas formas, por outro, cada vez mais as coisas tornam-se descartáveis. Qual é o problema disso? Muito além de opiniões que se dividem entre um estilo capitalismo ou comunista, o lixo acumulado nas grandes cidades prejudica, e muito, o meio ambiente. Como uma forma de tentar mudar isso, algumas cidades brasileiras começaram a investir em uma solução que, à primeira vista, pode parecer inusitada, mas que pode ser uma boa alternativa para todos os produtos e embalagens descartados. As lixeiras subterrâneas surgem como uma forma de dar um destino mais ecologicamente correto para tudo que não queremos mais.
As lixeiras subterrâneas têm um pouco mais de um metro de altura e, embora possam parecer lixeiras comuns, elas contam com um fundo falso que liga o recipiente da superfície a um contêiner subterrâneo, que fica a mais de dois metros abaixo do nível da calçada. Com isso a ideia é acabar com o acúmulo de sacos de lixo nas ruas, evitando que ele se espalhe por qualquer motivo, como pela força da chuva por exemplo. Pode parecer utópico e distante, mas o projeto das lixeiras subterrâneas já é realidade em algumas cidades do Brasil, como em Paulina, no interior de São Paulo, em sua vizinha Campinas, em Salvador, na Bahia, e na cidade carioca de Campos.
O funcionamento das lixeiras subterrâneas tem toda uma engenharia. A lixeira, assim como o contêiner, é interligada como uma forma de facilitar a retirada do lixo que ali é depositado. Para retirar os detritos, os profissionais da limpeza levantam uma parte da calçada que serve como uma espécie de tampa. Desta forma, um caminhão pode se aproximar e fazer o recolhimento do lixo.
Cada contêiner tem capacidade para armazenar até 700 quilos de lixo. Os resíduos recicláveis e orgânicos, por sua vez, são separados e transportados para locais diferenciados. Além disso, devido ao espaço disponível para armazenar lixo, a lixeira subterrânea não exige tantas viagens das empresas coletoras, resultando em uma boa economia nos gastos de transporte e na queima de combustível necessário para fazer o transporte de dezenas de caminhões de lixo. Que tal dar essa ideia na sua cidade? O meio ambiente agradece.
Fonte: http://www.pureviagem.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo sua participação e opinião !