Follow by Email

quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Transformar Plástico em Material Construtivo

Uma equipe do Brooklyn converte todo tipo de plásticos em blocos de construção ecologicamente amigáveis 100 por cento reciclados
Um bloco RePlast feito de sacolas plásticas
Um bloco RePlast feito de sacolas plásticas

Mais de 300 milhões de toneladas de resíduos plásticos são geradas anualmente por todo o mundo, porém, menos de 8 por cento é reciclado, e o restante acaba em aterros ou polui o oceano. Organizações sem fins lucrativos e voluntários gastam milhares de horas para limpar os plásticos amontoados nas costas e parques, contudo, o futuro destes plásticos coletados ainda é incerto devido à descontinuidade da gestão de resíduos. Isso, junto com o fato de que o mundo continua se afogando em dejetos plásticos, levou uma equipe de cinco pessoas a buscar arduamente por uma solução.
O grupo formou uma companhia, denominada ByFusion, com o único propósito de remover permanentemente o plástico da natureza para formar um material de construção 100 por cento reciclado que é tão duro como uma pedra. Ele é obtido através de uma plataforma de tecnologia modular que transforma todos os tipos de resíduos plásticos em um material de construção alternativo chamado RePlast. O material é produzido no formato de um bloco que tem o tamanho e as dimensões dos blocos de concreto convencionais que são projetados para se adequar a uma grande variedade de projetos de infraestrutura, desenvolvimento e construção.
Uma parede construída usando o material de construção RePlast
Uma parede construída usando o material de construção RePlast
ByFusion
Embora o material construtivo produzido pela ByFusion possa ser compreendido como um processo que imita a reciclagem comum de dejetos plásticos, os fundadores observam que ele é, na verdade, muito mais significante. Isso porque normalmente somente três dos 7 tipos de plásticos atualmente usados são reciclados devido aos elevados custos de processo, toxicidade, preocupações com segurança e potencial contaminação. A ByFusion é diferente por ser capaz de processar todos estes tipos de resíduos sem levar em conta se são misturados, individuais, limpos ou contaminados e sem apresentar perigo para a saúde humana.
Isso facilita a rápida limpeza dos dejetos da natureza e, de acordo com os criadores do projeto, pode motivar ONGs e voluntários a coletar mais resíduos e mostrar a eles como estão sendo reaproveitados. O processo também não requer colas ou adesivos para criar o material construtivo. Além do mais, como o sistema ByFusion é modular, ele pode ser facilmente transportado para áreas diferentes, e pode ser usado como acréscimo temporário ou permanente ao processo local de gerenciamento de resíduos.
Material de construção RePlast
Material de construção RePlast
ByFusion
A equipe também observa que o RePlast é um material não oneroso, pelo fato de que é feito de algo que literalmente é jogado fora diariamente. Isso o torna adequado para construção de abrigos ou casas em países em desenvolvimento ou pode ser usado para uma grande variedade de projetos, incluindo barreiras acústicas para auto-estradas, muros de contenção ecológicos, isolação térmica para construções industriais e residenciais, e barreiras de colisão.
O projeto da ByFusion buscou ajuda na plataforma de financiamento coletivo Indiegogo onde, no entanto, a campanha ficou longe de atingir a meta de fundos levantados, conseguindo apenas 30.000 dólares da meta de 250.000 dólares. Apesar disso, a companhia ainda obteve os fundos levantados que ajudaram a executar o primeiro passo de seu plano global, que é limpar mais de 100 toneladas de dejetos plásticos da costa havaiana e ajudar a melhorar as condições ambientais para a vida selvagem.
Disponível em: http://www.eatglobe.pt/news/environment/2370-transforming-plastic-into-a-building-material.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo sua participação e opinião !