Follow by Email

segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

PRESTANDO CONTAS 06 USINA DE ENTULHOS


Campos terá a primeira Usina de Reciclagem de Entulhos

Transformar reciclados inertes, ou seja, entulhos de obras em brita um, zero e pó para reboco e outras aplicações da construção civil. Este é o objetivo de uma moderna usina que será instalada em Campos dentro de 60 dias no bairro Eldorado. Não se trata de uma usina convencional para processar cana-de-açúcar, mas para reciclar as milhares de toneladas de entulhos gerados pela construção civil. O secretário de Limpeza Pública, Praças e Jardins, Jorge Rangel, destaca que, ao entrar em operação, a Usina de Reciclados Inertes vai dar destinação adequada às milhares de toneladas de recicláveis de obras que são misturados e descartados indevidamente em diversas áreas baldias da cidade.

 - Vamos proteger o meio ambiente, ao mesmo tempo, que faremos economia na construção de pavimentação de estradas e construção de calçadas, por exemplo -, anuncia o secretário. Jorge Rangel, acrescentando que a usina vai separar concreto de madeira, aço, vidro, plásticos, papelão e outros materiais, e transformará o entulho de alvenaria em materiais de construção reciclado que a Prefeitura utilizará na preparação de base de estradas de terra no interior, construção de calçadas, pátios e outras aplicações.

De acordo com informações do presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil e Mobiliário, José Carlos Eulálio, no momento, o setor conta mais de 160 grandes construções e gera milhares de toneladas de entulhos que atualmente são destinados apenas para aterro, prejudicando o meio ambiente, além do risco de acidentes. 

Todos os pedaços de vigas de concreto, de cascalhos formados por pedaços de calçadas, de pisos, madeiras, ferragens, vigas de aço, e outros materiais de casas demolidas vão ser processados.  O secretário Jorge Rangel ressalta que todo material de alvenaria será transformado em brita, que será utilizada pela prefeitura, desde a preparação de base de estradas vicinais até a construção de calçadas e, possivelmente, algum tipo de reboco de muros, galpões e outras estruturas, tendo em vista a capacidade de produção e a versatilidade da linha de produção da usina, que pode produzir a brita de maior bitola que serve para preparar base de asfaltamento de estradas e até mesmo construção de calçadas.
    

        

Por: Jualmir Delfino - Foto: Secom -  15/10/2013 09:01:00
Campos ganha primeira Usina de Reciclagem de Entulho da região

A primeira Usina de Beneficiamento e Britagem de Resíduos Inertes do Norte Fluminense foi inaugurada nesta terça-feira (26), pela prefeita Rosinha Garotinho, no Distrito Industrial da Codin, em Guarus. A usina, construída através de parceria da Prefeitura de Campos com a concessionária Vital Engenharia Ambiental, vai reciclar todo o entulho recolhido no município.......
- Nós temos investido muito nesta área de reciclagem e esse entulho vai ser utilizado para garantir o reforço do pavimento das estradas vicinais. Nós temos uma extensão territorial muito grande, que faz com que nossas estradas precisem de reparos constantes - destacou a prefeita Rosinha Garotinho.

Com capacidade de produção de 80 toneladas/hora, o equipamento transforma o entulho em brita, areia e pedriscos, e permite a utilização do  resíduo, que normalmente é descartado em aterros. ”Este trabalho é importante, pois Campos produz 21 mil toneladas de entulho por mês. Com esta nova tecnologia, a cidade vai ficar mais limpa e vai reutilizar um material que vai ter menor custo”, declarou o superintendência de Limpeza Pública, Carlos Morales.
....
Por: Eduardo Ribeiro - Foto: Gerson Gomes -  /07/2016


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo sua participação e opinião !