Follow by Email

quarta-feira, 1 de junho de 2016

Regulação de resíduos sólidos urbanos para geração de energia a partir do biogás: Estudo de viabilidades em regiões da Grande Vitória/ES
A utilização de resíduos sólidos urbanos (RSU) para a geração de energia apresenta-se como uma importante opção para diversificar a matriz energética brasileira e, também, para solucionar o problema do lixo nos centros urbanos, gerando vários benefícios municipais. No Brasil, tanto a legislação aplicada aos resíduos quanto a que regula o seu uso para geração de energia são recentes e ainda estão em processo de aperfeiçoamento. Além da viabilidade técnica e ambiental exigida pela Lei nº 12.305/2010, a viabilidade regulatória também é considerada como fator essencial para entrave ou sucesso da atividade, justificando-se, portanto, como objetivo desta pesquisa. Nesse contexto, este artigo reúne estudos que servirão como base para compreensão do estado da arte relacionado ao tema de biogás e resíduos sólidos urbanos, com ênfase no arcabouço legal que envolve o setor no Brasil e Estado do Espírito Santo. Para tal, a pesquisa terá como área de estudo as regiões de Vila Velha, Serra, Cariacica e Vitória, que integram a Região Metropolitana da Grande Vitória. As regiões foram selecionadas pelo motivo de possuírem o maior potencial de biogás proveniente de resíduos sólidos urbanos, segundo Atlas de Bioenergia da Agência de Serviços Públicos de Energia do Espírito Santo – ASPE (2013).



Disponível em: http://tratamentodeagua.com.br/artigo/regulacao-de-residuos-solidos-urbanos-para-geracao-de-energia-a-partir-do-biogas-estudo-de-viabilidades-em-regioes-da-grande-vitoria-es/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo sua participação e opinião !