Follow by Email

segunda-feira, 12 de agosto de 2013

Trabalho em movimento

Notebooks, tablets, smartphones e o acesso à rede wi-fi permitem trabalhar em qualquer ambiente da casa. Não é mais preciso passar o dia trancado no escritório Luciana JardimCasa Claudia -


Jeff Croft/Creative Commons


A dupla mesa e cadeira não desapareceu. Se você trabalha em casa, ainda precisará dela a maior parte do tempo. A novidade é que dá para sair do escritório e espairecer na poltrona ou no quintal sem tirar o olho de seus afazeres. “Meu home office é na edícula de casa. Mas também trabalho na sala e no jardim, respondendo a e-mails, postando imagens na internet. Dessa forma, fico mais perto de meus três filhos”, conta a empresária Leslie Markus, sócia do A Compota, selo que vende fotografias brasileiras. 



“Estamos num momento de transição do trabalho tradicional para o flexível. Nas casas, isso se reflete em ambientes integrados, que servem tanto para reunir a família como receber colegas de profissão e clientes”, diz Sabina Deweik, do instituto de pesquisa Future Concept Lab



TUDO PORTÁTIL 
Nesses tempos de mobilidade, em que você carrega o tablet e o smartphone por aí, a necessidade de ter um lugar fixo para trabalhar merece mesmo ser questionada. “Com a miniaturização da tecnologia e o acesso à rede wi-fi, as estações de trabalho podem estar em qualquer ambiente: na sala, no quarto, na cozinha”, afirma o arquiteto Guto Requena, um estudioso das mudanças de comportamento ligadas ao morar. 



Agora, aquela pausa para dar uma esticadinha na cama com o laptop no colo não é preguiça – é tendência. Até o mobiliário para trabalhar em casa passa por uma revisão. Ainda que o ideal seja privilegiar a cadeira ergonômica, outras peças podem funcionar em curtos períodos de uso. “Sofás e poltronas confortáveis, com braços de tecidos resistentes, como couro e camurça sintética, servem tanto ao trabalho como ao descanso”, diz o arquiteto Ricardo Miura



ESPAÇOS FLEXÍVEIS 
Aos móveis que você já tem, é possível adicionar acessórios que ajudam a ter confortona hora de usar os eletrônicos. “As mesinhas chamadas de laptables apoiam notebooks e tablets quando você está na cama ou no sofá”, afirma Miura. Se vamos trabalhar de um jeito mais flexível, o ideal é que as peças que nos cercam também sigam esse princípio. “A mobilidade precisa se estender ao mobiliário, em itens com rodízios e que assumem diversas funções”, afirma Guto Requena. 



Além de organizar o espaço, gerenciar bem o tempo é fundamental. Afinal, o mundo digital é cheio de distrações. “Não tenho uma rotina rígida”, diz Leslie Markus. “Mas, em geral, cuido do site pela manhã. Depois almoço com os meninos e os levo à escola. À tarde, volto para o escritório ou faço reuniões fora de casa.”



OLHA A POSTURA
Quando você sai do escritório para trabalhar em outros pontos da casa, precisa ter o cuidado de não adotar uma postura inadequada, que pode resultar em dores e até mesmo lesões. A fisioterapeuta e ergonomista Claudia Nammour Rossi indica o que fazer. “Mantenha os braços retos e os ombros neutros. Apoie os antebraços em almofadas, de modo que eles formem um ângulo de 90 graus com os braços. Use uma almofada para acomodar a coluna lombar. Deixe os pés bem apoiados no chão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo sua participação e opinião !